Fundação Edson Queiroz - Universidade de Fortaleza

Banner
RSS Twitter Youtube Flickr instagram g1 facebook

Buscar

Unifor on-line

Home Inicial

Caixa dos Sonhos


caixa-dos-sonhos-pos-unifor-2017

Receber o diploma é o sonho de qualquer universitário desde o primeiro semestre de Graduação. Entretanto, essa fase também representa período de muitas dúvidas para os recém-formados, como: “O que devo fazer agora?”. Assim, a Pós-Unifor vai oferecer a primeira grande experiência para um desses alunos: participar de uma missão internacional.

Desde o dia 20 de dezembro estão disponibilizadas pelo campus da Universidade de Fortaleza as Caixas dos Sonhos (Biblioteca, DAE e Centro de Convivência), onde os alunos podem escrever um texto/carta contando sobre seu projeto para impactar positivamente a sociedade.

Os concludentes com as três melhores histórias/projetos serão selecionados para a segunda fase da campanha, onde terão de gravar um vídeo sobre suas ideias. O vencedor será definido por votação popular.

Para participar da campanha é necessário que o aluno tenha assinado a ata de colação no dia 5 de janeiro. Os vídeos dos participantes ficarão disponíveis para votação do dia 12 ao dia 22 de janeiro de 2018 na página oficial da Universidade de Fortaleza no Facebook.

O resultado será divulgado em 22 de janeiro.

> CONFIRA AQUI O EDITAL

Sonho realizado
A primeira edição do Caixa dos Sonhos foi realizada em 2017 e realizou o sonho de uma aluna recém-formada. Thaís Carioca Sampaio, graduada em Comércio Exterior, foi a vencedora da campanha em 2017.1 e participou de Missão Internacional para o Vale do Silício, na Califórnia, maior polo de empreendedorismo e inovação do mundo.

Thaís explica que, embora tenha sido bastante difícil obter os votos das pessoas, é um processo bastante gratificante ao final. “Foi muito realizador isso. Vi amigos, familiares e até pessoas que eu nem conhecia se sensibilizando e apoiando minha campanha”, explica.

Sobre a visita ao Vale do Silício, com professores e da Unifor e profissionais de outras empresas brasileiras, Thaís é taxativa: “É uma experiência extremamente enriquecedora ter esse intercâmbio internacional. O contato com a realidade americana me fez ter um novo olhar. Nós fomos estimulados a aprender sobre o que vimos lá e a pensar em como trazer essa experiência para nossa realidade no Brasil”.


Banner
Banner
Banner
Banner

Destaques