Curso de Cinema realiza Master Class com Max Eluard nesta sexta-feira

A Master Class inicia o projeto “Storyboard – Programa de Desenvolvimento de Carreiras” que realizará oficinas, mentorias, debates e encontros com agentes do mercado audiovisual


Max Eluard coordenou programas como DocTV Brasil e a execução da Linha de Produção de Conteúdos destinados às TVs públicas do Fundo Setorial Audiovisual da Ancine (Foto: Ares Soares)
Max Eluard coordenou programas como DocTV Brasil e a execução da Linha de Produção de Conteúdos destinados às TVs públicas do Fundo Setorial Audiovisual da Ancine (Foto: Ares Soares)

Com o objetivo de aprofundar as conexões entre a experiência acadêmica e o mercado, o curso de Cinema e Audiovisual da Unifor lança, nesta sexta-feira (14), o projeto Storyboard  – Programa de Desenvolvimento de Carreiras, que prevê uma série de atividades, como oficinas, mentorias individuais, debates, encontros com agentes do mercado, como produtores, curadores, exibidores.

O projeto inicia com a Master Class “Como encarar o mercado audiovisual”, com Max Eluard, um dos mais experientes produtores executivos do país, integrando em sua trajetória a coordenação de programas como DocTV Brasil e a execução da Linha de Produção de Conteúdos destinados às TVs Públicas do Fundo Setorial Audiovisual da Agência Nacional de Cinema (Ancine). Aberta ao público, o Master Class acontece às 19 horas, nesta sexta-feira, 14, no Auditório da Biblioteca da Unifor.

“Como identificar o caminho certo a seguir e como perseguir esse caminho? Editais, pós-graduação, especializações, abrir uma produtora, ser freela, arrumar um emprego? Não há respostas certas ou erradas. O que há são escolhas mais ou menos adequadas para se chegar a um objetivo profissional, a uma realização pessoal” – afirma o produtor, que,  na Master Class, aberta ao público interessado, falará sobre os caminhos do mercado audiovisual, abordando questões como financiamento de projetos e possibilidades reais de inserção no universo da produção.

Durante toda a semana, Max Eluard realiza ainda oficina e orientação personalizada a dez projetos de alunos do curso de Cinema, no sentido de qualificá-los para enfrentar o mercado audiovisual. Os projetos foram selecionados a partir de uma convocatória no curso, quando os alunos puderam expor ideias de projetos, que serão submetidos a um processo de imersão na dinâmica do mercado audiovisual. O produtor Max Eluard observa que os caminhos do mercado são vários e que o desafio de um recém-formado é construir uma trajetória que lhe dê realização profissional.

Perfil de Max Eluard

Max Eluard iniciou seu trabalho na TV Cultura de São Paulo, em 1998, como produtor executivo do Núcleo de Documentários. Lá, produziu mais de 30 episódios da série Caminhos e Parcerias, dirigido pela jornalista Neide Duarte. Também produziu documentários de Paulo Markun e Washington Novaes. Em 2005, fundou a produtora Avoa Filmes. No mesmo ano, assumiu a coordenação executiva da primeira edição do programa DocTV Latino América, política pública voltada à produção de documentários exibidos nas TVs Públicas de 14 países. Em 2007, assumiu a coordenação executiva da quarta edição do Programa DocTV Brasil, política pública do Ministério da Cultura em parceria com TVs Públicas de todo Brasil.

A partir de 2010 passou a se dedicar à produção por meio da Avoa Filmes e desde então produziu 7  longas metragens (Sol Alegria, O Pequeno Mal, Fôlego, Banco Imobiliário, Sinfonia da Necrópole, Nova Dubai e Pulsações) e mais de 10 curtas (de realizadores como Juliana Rojas, Gustavo Vinagre, Miguel Antunes Ramos entre outros) exibidos e premiados em importantes festivais de cinema como Semana da Crítica do Festival de Cannes, Rotterdam, Torino, Havana, FIDMarseille, Mar del Plata, BAFICI, Art of the Real – NY, Brasília, Tiradentes, Festival do Rio, Gramado, Mostra de SP, Janela do Recife entre muitos outros.

Em 2014 voltou à gestão pública para coordenar a execução da Linha de Produção de Conteúdos destinados às TVs Públicas do FSA, trabalho que executou até meados de 2017. Em paralelo, acumulou experiência em ações de formação, como as Oficinas DOCTV, as Oficinas para Formatação de Projetos da Linha de TVs Públicas, além de ter ministrado aulas na Escuela de Cine y TV de San Antonio de Los Baños, Cuba, Academia Internacional de Filmes de São Paulo e Escola Inspiratorium de Cinema, São Paulo.

Serviço

Master Class “Como enfrentar o mercado audiovisual”
com Max Eluard
Data: 14 de setembro de 2018 (sexta-feira)
Horário: 19h
Local: Auditório da Biblioteca
Aberto ao público