angle-left Alunos de Medicina, Enfermagem e Fisioterapia colam grau de forma antecipada

Ter, 14 Abril 2020 17:29

Alunos de Medicina, Enfermagem e Fisioterapia colam grau de forma antecipada

Paramentados com luva, máscara e dentro do carro, eles assinaram a ata de formatura e receberam o certificado de conclusão de curso. A colação seguiu as orientações da Portaria Nº 383/2020, divulgada pelo Ministério da Educação.


Amanda Lira, concludente de Medicina, fez uma chamada de vídeo com a avó durante o período em que esteve na fila do drive-thru.
Amanda Lira, concludente de Medicina, fez uma chamada de vídeo com a avó durante o período em que esteve na fila do drive-thru.

Um grupo de 82 alunos dos cursos de Medicina, Enfermagem e Fisioterapia da Universidade de Fortaleza vivenciou um momento atípico na vida acadêmica na tarde desta terça-feira (14). Os estudantes colaram grau de forma antecipada e agora estão disponíveis para compor o time de saúde no enfrentamento ao novo coronavírus. A Universidade de Fortaleza adotou o modelo drive-thru para evitar aglomeração, no qual os alunos passaram todo o tempo dentro do carro. 

Para ter a participação de familiares nessa ocasião tão importante, a concludente Amanda Lira, do curso de Medicina, fez uma chamada de vídeo com a avó durante o período em que esteve na fila do drive-thru. “Foi um momento muito esperado eu me formar em Medicina, um sonho realizado. A minha vó não está aqui fisicamente, mas está pelo celular. Estou muito feliz e vou encarar o desfio de integrar a linha de frente no combate ao coronavírus no interior do Ceará, onde a gente está mais precisando”, destacou. 

Quem também encontrou uma maneira diferente de encarar a ocasião foi o Lucas Fernandes, concludente do curso de Enfermagem. Ele fez uma live na rede social para permitir que os amigos acompanhassem a colação e levou um desenho de todos os internos no carro. “A gente imagina milhões de formas para concluir esse ciclo, o de hoje não foi o formato pensando”, conta. Ao mesmo tempo, ele reconhece que vivencia um momento histórico. “É muito difícil o que estamos vivendo, já já somos nós que estaremos na linha de frente”, destacou. 

Assim como Amanda e Lucas, todos os concludentes estavam no último semestre dos cursos de graduação e obedeceram às condições estabelecidas na Portaria Nº 383/2020, divulgada pelo Ministério da Educação no dia 13 de abril: mínimo de 75% do internato médico, no caso de estudantes de Medicina, e mínimo de 75% dos estágios obrigatórios curriculares, no caso dos estudantes de Enfermagem e Fisioterapia. “Todos saem com as competências e conhecimentos técnico-científicos requeridos à formação”, destaca Karol Moura, assessora da vice-reitoria de Ensino de Graduação da Universidade de Fortaleza

Compromisso social 

“Está sendo muito importante essa colação antecipada por conta do momento em que vivemos da pandemia do coronavírus. Vai ser uma imensa alegria poder entrar no mercado de trabalho a todo vapor e por uma causa tão importante.”  
Mariane Carneiro Brasil, concludente de Fisioterapia  

“Acho super válida a iniciativa de antecipar a colação de grau. Vamos ajudar muito no combate ao coronavírus. Sou da área da Enfermagem, somo da linha de frente, estamos em contato direto com o paciente o tempo todo. Tenho certeza que vamos fazer a diferença nesse cenário”. 
Rayane Medeiros, concludente de Enfermagem