angle-left Curso de Fisioterapia da Unifor comemora a conquista de alunos no Proensino

Qui, 16 Maio 2019 14:06

Curso de Fisioterapia da Unifor comemora a conquista de alunos no Proensino

O Programa é diferencial na formação acadêmica pois desperta uma atuação interprofissionalidade colaborativa


O Programa foi criado em 2010 com o intuito de manter a aproximação entre as universidades e o Sistema Único de Saúde (SUS). Foto: Ares Soares.
O Programa foi criado em 2010 com o intuito de manter a aproximação entre as universidades e o Sistema Único de Saúde (SUS). Foto: Ares Soares.

Três alunas do Curso de Fisioterapia da Universidade de Fortaleza foram aprovadas no Programa Bolsa de Incentivo à Educação na Rede Secretaria de Saúde do Estado do Ceará (Proensino). O Programa foi criado em 2010 com o intuito de manter a aproximação entre as universidades e o Sistema Único de Saúde (SUS).

O Proensino configura-se como estágio remunerado nas unidades que compõem a rede da Secretaria de Saúde do Estado oferecendo educação permanente aos futuros profissionais. No último concurso foram ofertadas nove vagas para alunos de Fisioterapia regularmente matriculados em instituições de ensino superior (IES).  As alunas Samara Sobreira, Larissa Freitas e Daniela Coimbra do curso de Fisioterapia da Unifor obtiveram ótimos resultados conquistando um terço das vagas. 

O coordenador do Curso de Fisioterapia Unifor, Mayron Faria assegura que o currículo integrado com módulos relacionados a Práticas e Ações Integradas em Saúde, idealizado pela professora Cristhina Brasil, se distribui transversalmente na matriz curricular corroborando positivamente para esse resultado. Segundo ele, “a conquista dos nossos alunos representa um diferencial ao Curso, assim como uma experiência singular”. O diálogo constante entre ensino-serviço proporciona inúmeros conhecimentos acerca da produção de saúde e desperta oportunidades futuras durante a vida acadêmica.

O Proensino é uma oportunidade única para quem deseja realizar residência em saúde. De acordo com Samara é possível perceber as conexões entre os módulos vivenciados na formação acadêmica e as vivências nos serviços de saúde. 

A carga horária total são 20 horas semanais que se distribuem em 16 horas de estágio resultando em relatórios trimestrais e, quatro horas em participação em grupos de estudo dedicados a escrita do projeto de pesquisa e produções científicas sobre as experiências na Secretaria de Saúde do Estado (Sesa).

Processo Seletivo

A primeira etapa do processo seletivo constou de uma prova de conhecimentos gerais, enquanto na segunda etapa foi realizada uma análise de comportamento com ênfase em liderança, trabalho em equipe, negociação de conflitos, compromisso e responsabilidade mediante dinâmicas e situações problematizadoras.

Para Larissa a experiência tem sido bastante proveitosa e iniciou-se no processo seletivo, durante as avaliações vivenciais, ao participar das equipes de saúde e conhecer o cotidiano das instituições de saúde, principalmente ao que se refere a gestão pública.    

Experiências nos níveis de Atenção à Saúde

Os serviços ofertados pelo SUS segue o modelo determinado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) organizado nos níveis de atenção primária, secundária e terciária. As alunas estão lotadas em diferentes níveis de atenção. Daniela atualmente desempenha ações no nível primário, e cita as Unidades de Atenção Primária em Saúde (UAPS) como serviços de saúde conhecidos como porta de entrada para o SUS. Enquanto, Larissa pertence ao nível secundário, e realiza trabalhos nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), hospitais e outras unidades de atendimento especializado ou média complexidade (urgência e emergência), alocada no Centro de Dermatologia Dona Libânia. Já Samara atua no nível terciário nos hospitais de grande porte que atendem alta complexidade, atualmente no Hospital Geral de Fortaleza (HGF).

A professora do Curso de Fisioterapia, Ana Cléa Vieira comenta que “para os acadêmicos de Fisioterapia o programa possibilita a interprofissionalidade e a interdisciplinaridade na graduação com cenários diversificados de aprendizagem em atenção e saúde. Essa interatividade aprimora atitudes, competências técnicas e éticas necessárias à formação de excelência em recursos humanos para o SUS. Todos se beneficiam com esse programa”.

Estude Fisioterapia na Unifor

O Curso de Fisioterapia Unifor é para quem quer trabalhar com o estudo, tratamento e prevenção dos distúrbios relacionados ao movimento e funções do corpo humano. E deseja atuar no diagnóstico, planejamento, prescrição e execução das intervenções fisioterapêuticas nos três níveis de atenção à saúde (primário, secundário e terciário).

O curso de Fisioterapia da Unifor possui 4 estrelas no Guia do Estudante e Nota 4 em Conceito de Curso (CC). O Conceito de Curso é a nota final de qualidade dada pelo MEC aos cursos de graduação das instituições de ensino superior no Brasil.

Serviço

Curso de Fisioterapia Unifor
E-mail de contato:
fisioterapia@unifor.br 
Fone de contato: (85) 3477.3207 
Endereço de contato: Bloco H | Sala 04"