angle-left Professora desenvolve aplicativo que auxilia acompanhamento de crianças com autismo

Sex, 13 Março 2020 15:24

Professora desenvolve aplicativo que auxilia acompanhamento de crianças com autismo

O app, que também possui um sistema web, apoia na prescrição de brincadeiras terapêuticas e permite o monitoramento das atividades pelos profissionais de saúde que acompanham a criança.


Estudante Aline Soares e professora Julyana Maia celebram desenvolvimento do aplicativo
Estudante Aline Soares e professora Julyana Maia celebram desenvolvimento do aplicativo

A professora Julyana Maia, do curso de Fisioterapia, é uma das mulheres cientistas da Universidade de Fortaleza. Com o apoio das alunas Renata Alves e Aline Soares e dos profissionais do Núcleo de Aplicação em Tecnologia da Informação (NATI), a professora desenvolveu o aplicativo Interautismo, cuja finalidade é prescrever brincadeiras para que os pais e crianças brinquem no cenário real e não virtual. 

“A ideia surgiu da necessidade dos profissionais de saúde terem uma tecnologia que auxiliasse na prescrição e acompanhamento de brincadeiras. As pessoas imaginam que só existe prescrição de medicamento, mas quando falamos de terapias de acompanhamento de crianças com autismo, lidamos com o brincar. É durante a brincadeira que a criança tem a possibilidade de conhecer ela mesma, o outro e o ambiente a sua volta”, destaca Julyana Maia, que é doutora em biotecnologia. 

O desenvolvimento do aplicativo proporcionou o início de uma pesquisa clínica com um grupo de 30 crianças e suas famílias. “Neste mês de março, realizamos cadastro e treinamento para o uso da plataforma pelos profissionais do Núcleo de Atenção Médica Integrada (NAMI) que assistem essas crianças e apresentamos a ferramenta para os pais e responsáveis. Ao longo da pesquisa, vamos avaliar se vai aumentar o engajamento das famílias para brincar com suas crianças”, reforça a professora.

Outros profissionais de saúde que tenham interesse de conhecer a ferramenta e utilizá-la podem enviar e-mail para interautismoapp@gmail.com. A professora Julyana Maia explica que o aplicativo está na loja virtual para celulares Android e IOS, contudo, as famílias interessadas só podem baixar o app após o cadastro na plataforma web pelo profissional de saúde.