angle-left Universidade de Fortaleza realiza “lives” com grandes nomes do pensamento mundial

Sáb, 11 Abril 2020 14:38

Universidade de Fortaleza realiza “lives” com grandes nomes do pensamento mundial

O sociólogo italiano Domenico De Masi e o físico brasileiro Marcello Gleiser vão discutir o tema “Crise (Covid 19): avaliação, desafios e prognoses”.


A live de Domenico De Masi será no dia 15 de abril, às 14h, com transmissão pelas redes sociais da Unifor. (Foto Regis Filho / Valor cultura)
A live de Domenico De Masi será no dia 15 de abril, às 14h, com transmissão pelas redes sociais da Unifor. (Foto Regis Filho / Valor cultura)

A Universidade de Fortaleza, da Fundação Edson Queiroz, continuará nesta semana o projeto “Lives do Conhecimento”, iniciativa que reúne convidados especiais para discutir assuntos de relevância em ambientes virtuais, tendo como pano de fundo a pandemia da Covid-19. Aberto a alunos, professores e ao público em geral, desta vez o projeto vai contar com as participações de grandes nomes do pensamento mundial, como o sociólogo italiano Domenico De Masi, famoso pela criação do conceito ócio criativo, e do físico e astrônomo brasileiro Marcelo Gleiser. A live de De Masi será dia 15, quarta-feira, a partir de 14h, e a de Gleiser será dia 17, sexta-feira, às 10h. As “lives” serão transmitidas pelas redes sociais da Unifor (Instagram, Facebook e YouTube) e pela TV Unifor (canais 14 da Multiplay e 181 da NET).

Ao realizar a difusão do conhecimento em suas plataformas de comunicação, a Universidade de Fortaleza reforça a sua missão de promover o ensino de qualidade, a pesquisa e a extensão, nas mais diversas áreas do conhecimento. Além disso, a Unifor estimula o diálogo com grandes nomes do pensamento contemporâneo, nacionais e internacionais, contribuindo para o intercâmbio de ideias não só em salas de aulas, mas também em ambientes virtuais, de modo a ampliar os horizontes de alunos, professores e do público em geral.

O projeto “Lives do Conhecimento” teve início dia 8 de abril com o produtor de cinema Rodrigo Teixeira, responsável pela produção de “A Vida Invisível”, filme do diretor cearense Karim Aïnouz. Já na última quinta-feira, 9, o projeto discutiu a melhor forma de dormir em tempos de isolamento social e contou com a participação do neurologista Samir Magalhães, professor da Unifor e especialista em medicina do sono.

Próximas atrações

Domenico De Masi é sociólogo italiano e tornou-se famoso no mundo pelo conceito de "ócio criativo" segundo o qual o ócio, longe de ser negativo, é um fator que estimula a criatividade pessoal. Aos 19 anos, De Masi já escrevia artigos de sociologia urbana e do trabalho. Aos 22 anos, lecionava na Universidade de Nápoles. Mais recentemente, assumiu o posto de professor de sociologia do trabalho na Universidade de Roma "La Sapienza".

Entre 1978 e 2000, dirigiu a S3.Studium, escola de especialização em ciências organizacionais criada por ele. Escreveu diversos livros, alguns deles tidos como revolucionários, destacando-se "Desenvolvimento Sem Trabalho", "A Emoção e a Regra", "O Ócio Criativo" e "O Futuro do Trabalho". Em 2010, tornou-se cidadão honorário da cidade do Rio de Janeiro, no Brasil.

Já o carioca Marcelo Gleiser é atualmente pesquisador da Faculdade de Dartmouth, nos Estados Unidos. Conhecido no EUA por suas aulas e pesquisas científicas, no Brasil é mais popular por suas colunas de divulgação científica. Escreveu oito livros e publicou três coletâneas de artigos. Participou ainda de programas de televisão dos Estados Unidos, da Inglaterra e do Brasil, entre eles, Fantástico.

Marcelo recebeu o Prêmio Jabuti em 1998, pelo livro A Dança do Universo, e em 2002 por O Fim da Terra e do Céu. Em 2007, foi eleito membro da Academia Brasileira de Filosofia. Em março de 2019, tornou-se o primeiro latino-americano a ser contemplado com o Prêmio Templeton, tido informalmente como o "Nobel da espiritualidade".

Serviço
“Lives do Conhecimento”
Domenico De Masi: dia 15 de abril, quarta-feira, 14h
Marcelo Gleiser: dia 17 de abril, sexta-feira, 10h
Transmissão pelas redes sociais da Unifor (@uniforcomunica, Facebook e YouTube) e pela TV Unifor (canais 14 da Multiplay e 181 da NET)
Aberto ao público