angle-left Pós-Unifor aborda a importância da escuta ativa na Aula Magna da Escola de Saúde

Pós-Unifor aborda a importância da escuta ativa na Aula Magna da Escola de Saúde

A Pós-Graduação da Universidade de Fortaleza, por meio da Escola de Saúde, realiza no próximo dia 03 de março, às 19h, a Aula Magna com o tema “Comunicando-se com o paciente: a importância da escuta ativa” com a presença dos profissionais Álvaro Jorge Madeiro Leite e Emmanuela Carvalho Cipriano Chaves, que irão compor a roda de conversa e debater sobre o assunto. 

A escolha do tema a ser debatido com alunos e profissionais da área se deu devido ao fato de que a escuta ativa é uma ferramenta de grande importância e que pode ser utilizada pelos profissionais de saúde, a fim de que eles possam apresentar uma melhor compreensão e interpretação da comunicação verbal e não verbal dos pacientes, tornando o seu atendimento mais humanizado e eficaz. 

A comunicação precisa de concentração e com tantas distrações tecnológicas que nos rodeiam, muitas vezes, não é possível  dar a real “importância” ao que o outro fala. Atender o paciente utilizando-se dessa ferramenta, possibilita um maior respeito e consideração na relação profissional. A escuta ativa pode ser aperfeiçoada desenvolvendo a empatia e deletando preconceitos e julgamentos, para uma melhor reflexão no processo comunicativo. 

Sobre os convidados: 

Álvaro Jorge Madeiro Leite, Possui Graduação em Medicina pela Universidade Federal de Alagoas, Mestrado em Epidemiologia - Modalidade Epidemiologia Clínica pela Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo e Doutorado em Pediatria pela Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo. Atualmente é Professor Titular da Universidade Federal do Ceará. Tem experiência na área de Medicina, com ênfase em Pediatria, atuando principalmente nos seguintes temas: morbi-mortalidade perinatal e neonatal, doenças respiratórias da infância, desenvolvimento da primeira infância e educação médica. Na área do ensino médico mais geral vem se dedicando ao campo das Humanidades Médicas, com especial interesse pelos conteúdos relacionais e humanísticos da formação médica. Atualmente, coordena o módulo curricular denominado "Habilidades de Comunicação Médico-Paciente" e o módulo optativo "Humanidades Médicas”.

Emmanuela Carvalho Cipriano Chaves, Possui formação em Negociação e Mediação de Conflitos pela Columbia Law School, University Columbia, NYC e em Theory and Tools of the Harvard Negotiation Project, Harvard University/CMI Interser, Cambridge; e em Práticas Colaborativas pelo Institute Collaborative Law, Edina, Minnesota. Participou da 2019 Negotiation Pedagogy Conference, Teaching Negotiation Resource Center (TNRC), Program on Negotiation at Harvard Law School. Trabalha na área da mediação de conflitos, negociação, práticas colaborativas, consultoria e treinamento. Atuou como facilitadora de formações em Mediação e Gestão de Conflitos para a Coordenadoria de Mediação de Conflitos da Secretaria Municipal de Segurança Cidadã/CE, Defensoria Pública do Estado do Ceará, Secretaria de Educação do Estado do Ceará - SEDUC, REDE CUCA, Comissão Especial de Mediação, Conciliação e Arbitragem da OAB / CE, Tribunal de Justiça do Estado do Ceará e em Cursos de Formação para alunos do Curso de Direito das Universidades em que atuou como professora e mediadora de conflitos. Atualmente cursa doutorado no Programa de Doutorado em Direito Constitucional da Universidade de Fortaleza (Fortaleza/CE) e é bolsista CNPQ para doutorado sanduíche na Columbia University. 

Serviço

“Comunicando-se com o paciente: a importância da escuta ativa”
Data: 03 de março de 2020
Horário: 19h
Local: Bloco B, sala B28

Event Navigation Portlet está temporariamente indisponível.