angle-left Alunos desenvolvem ações de responsabilidade social e cidadania

Qua, 13 Junho 2018 17:15

Alunos desenvolvem ações de responsabilidade social e cidadania

Promovidas pela disciplina Intercursos do Centro de Ciências da Comunicação e Gestão da Unifor, ações estimulam questões como educação no trânsito e respeito à diversidade.


Ações de responsabilidade social e cidadania na Unifor (Foto: Ares Soares)
Ações de responsabilidade social e cidadania na Unifor (Foto: Ares Soares)

Dos dias 11 a 15 de junho, os estudantes do Centro de Ciências da Comunicação e Gestão (CCG) da Universidade de Fortaleza (Unifor) realizam diariamente ações de responsabilidade social e cidadania em pontos estratégicos do campus da Universidade.  

Nesta quinta-feira, dia 14, a temática será voltada para os desejos nutridos na infância e a realização dos planos almejados para o futuro.

A iniciativa, promovida pela disciplina Projeto Intercursos, tem como principal objetivo dar visibilidade aos problemas sociais e estimular a reflexão destes pela comunidade acadêmica. Alguns dos temas abordados são: respeito à diversidade, gentileza no trânsito e consumo sustentável.

Segundo Xênia Diógenes, professora do CCG e uma das responsáveis pelas ações “o projeto surgiu da necessidade de aproximar os currículos da comunidade, da cidade e dos reais problemas sociais, assim, o intuito é fazer com que o aluno perceba as questões e que ele, como profissional, comece a pensar sobre essa realidade”, afirma.

As intervenções de conscientização acontecem de várias formas. “Tivemos um momento que abordou gentileza, no qual os alunos organizaram uma banca de festa junina no hall do bloco T, onde havia uma urna em que elas podiam tirar bandeiras e através delas, fazer algo para alguém, como dizer sua importância e oferecer um abraço, por exemplo”, explica a professora Xênia.

Outras ações também fizeram parte da iniciativa, entre elas, a demonstração do alto valor de impostos pagos no Brasil que ocorreu no Centro de Convivência (CC), e durante o dia dos namorados, distribuição de painéis no hall do bloco T com o título “O amor não tem gênero” para que mensagens de carinho fossem escritas.