angle-left Denise Mattar ministra palestra sobre curadoria da nova exposição da Fundação Edson Queiroz

Denise Mattar ministra palestra sobre curadoria da nova exposição da Fundação Edson Queiroz

Mostra Da Terra Brasilis à Aldeia Global apresenta no Espaço Cultural Unifor 280 obras, divididas em seis séculos de arte


Uma das mais importantes e premiadas curadoras de artes visuais brasileiras, Denise Mattar já atuou no Museu da Casa Brasileira, do MAM/SP e do MAM/RJ (Foto: Cid Barbosa/DN)
Uma das mais importantes e premiadas curadoras de artes visuais brasileiras, Denise Mattar já atuou no Museu da Casa Brasileira, do MAM/SP e do MAM/RJ (Foto: Cid Barbosa/DN)

Em comemoração aos 45 anos da Unifor, a Fundação Edson Queiroz, mantenedora da instituição, promove a exposição “Da Terra Brasilis à Aldeia Global”, de 21 de março de 2018 a 24 de março de 2019. Dentro da programação de lançamento da exposição, será realizada uma palestra com a curadora Denise Mattar no dia 21 de março, a partir das 9h30, no Teatro Celina Queiroz. O acesso é gratuito e aberto ao público.

A exposição tem como ponto de partida o livro Americae Tertia Pars, do livreiro belga Theodore de Bry. Publicado na Europa em 1592, a obra baseia-se em relatos de viagens realizadas por europeus ao Brasil. De modo cronológico e didático, a mostra percorre todos os movimentos da arte brasileira, chegando por fim à contemporaneidade, com a apresentação de trabalhos de artistas como Vik Muniz e Adriana Varejão.

Na palestra, Denise vai explicar com riqueza de detalhes o conceito da exposição, assim como também o porquê do título, além de contextualizar as obras de acordo com o tempo em que representam. Para ela, as obras são todas “incrivelmente didáticas”, sendo capazes de passar uma imagem autoexplicativa até mesmo para os que não têm conhecimento aguçado em artes plásticas. “A exposição foi concebida de uma forma inteiramente didática, cada núcleo tem um texto explicando o que significa e o seu contexto histórico”, explica a curadora da exposição.

Toda a exposição foi dividida em nove módulos que retratam a história brasileira em seus períodos. Os módulos estão divididos em Terra Brasilis (1500–1637), A Matriz Barroca (séc. XVII-XVIII), Reais mudanças (1808-1821), Uma Academia nos trópicos (1826 -1922), Modernidade (1917-1950), A Força da Abstração (final dos anos 1940 até a atualidade), Tempos difíceis (1960-1970), Chuvas de verão (1980 - 1990) e A Aldeia Global (de 1990 até a atualidade). 

A curadora ressalta ainda a diversidade de artistas que terão suas obras expostas, passeando desde artistas conhecidos nacionalmente até os menos conhecidos, mas com obras muito importantes para as artes plásticas brasileiras. “Eu procurei incluir na exposição vários artistas cearenses, famosos ou não. Esses artistas foram incluídos dentro do contexto histórico que eles estão inseridos. A exposição é inteiramente pontuada pela presença cearense” relata Denise, que escolheu obras de artistas como Antônio Bandeira, Leonilson, Aldemir Martins, dentre outros.

Serviço

Palestra com a curadora da Exposição Da Terra Brasilis à Aldeia Global
Data: 21 de março de 2018
Horário: 9h30
Local: Teatro Celina Queiroz (Campus da Unifor)
Mais informações: (85) 3477.3239
Entrada gratuita