angle-left Índice do MEC consolida Universidade de Fortaleza entre as melhores do Brasil

Sex, 13 Dezembro 2019 16:06

Índice do MEC consolida Universidade de Fortaleza entre as melhores do Brasil

Entre as particulares, a instituição cearense está em 2º lugar no Norte e Nordeste e entre as 30 melhores do Brasil. (Foto: Ares Soares)
Entre as particulares, a instituição cearense está em 2º lugar no Norte e Nordeste e entre as 30 melhores do Brasil. (Foto: Ares Soares)

A Universidade de Fortaleza fecha o ano de 2019 como uma das melhores instituições de ensino superior em todas as avaliações educacionais, seja de âmbito nacional ou internacional. A mais recente, a do Índice Geral de Cursos (IGC), do Ministério da Educação, coloca a Unifor como a segunda melhor universidade privada das regiões Norte e Nordeste e entre as 30 melhores particulares do Brasil.

No IGC, divulgado na última quarta-feira, 11, a Universidade de Fortaleza obteve nota 4, em escala de 0 a 5. Principal indicador de qualidade do Ministério da Educação, o IGC leva em consideração o desempenho das universidades na graduação e na pós-graduação (mestrado e doutorado). No caso da pós-graduação, a avaliação leva em conta a nota aferida pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

Para o Vice-Reitor de Graduação da Universidade de Fortaleza, professor Henrique Sá, o desempenho da Unifor no IGC do MEC comprova o nível de excelência da instituição em todas as áreas do conhecimento. “Na verdade, esse desempenho só tem crescido nos últimos anos, se levarmos em conta que no IGC anterior estávamos em 4º lugar no Norte e Nordeste”, salienta.

No total, o MEC avaliou 2.052 instituições, entre públicas e privadas. No Ceará, além da Unifor, a Universidade Federal do Ceará e a Universidade Estadual do Ceará também obtiveram nota 4, considerada excelente.

Nem todas são universidades

Centro universitário não é universidade. O IGC leva em consideração apenas as universidades, uma vez que os institutos, faculdades e centros universitários, ou seja, a grande maioria das instituições de ensino superior hoje existentes no Brasil, não dispõem, necessariamente, de programas de mestrado e doutorado e nem de atividades de pesquisa, iniciação científica e extensão. É por isso que a única universidade particular do Ceará é a Unifor, há 46 anos.

O professor Henrique Sá explica que, como uma universidade tem o ensino associado à pesquisa e à extensão, “a formação tanto na graduação quanto na pós-graduação é completa, mais complexa, melhor qualificada e mais orientada para o mercado de trabalho”.

Ao contrário de centros universitários, faculdades e institutos, as universidades precisam ter entre seus professores grande percentual de mestres e doutores. O mínimo exigido pelo MEC é de um terço de docentes com mestrado e doutorado. No caso da Universidade de Fortaleza, esse índice é mais de 80%, ou seja, bem acima de dois terços.

Reconhecimento internacional

Em 2019, a Universidade de Fortaleza obteve amplo reconhecimento internacional pela qualidade de ensino. Em junho, o Times Higher Education (THE) já tinha ranqueado a Unifor entre as melhores universidades da América Latina e Caribe. Três meses depois, o THE colocou a Unifor também entre as melhores instituições de ensino superior do mundo.

Além de fazer parte dos dois rankings da Times Higher Education, a Universidade de Fortaleza passou a figurar em 2019 também no prestigiado QS World University Rankings, que, desde 2004, avalia o desempenho de instituições de ensino superior do mundo inteiro. A Unifor foi incluída em 2019 nos rankings da América Latina e dos Brics (bloco formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) pela sua excelência no ensino e na pesquisa.

Unifor no RUF e Estadão

O desempenho da Universidade de Fortaleza também é bem avaliado por instituições brasileiras. Pelo oitavo ano consecutivo, a Universidade de Fortaleza foi eleita a melhor instituição de ensino superior particular do Norte e Nordeste, segundo a edição 2019 do Ranking Universitário Folha (RUF), divulgado em outubro, pelo jornal Folha de S. Paulo. Além disso, é a 10ª melhor do Brasil entre as particulares.

A melhor entre as empreendedoras

A Universidade de Fortaleza também é a melhor instituição de ensino superior privada das regiões Norte e Nordeste segundo o Ranking de Universidades Empreendedoras 2019 (RUE), divulgado no final de outubro pela Confederação Brasileira de Empresas Juniores (Brasil Júnior).

Ao elaborar o ranking, a Brasil Júnior leva em consideração diversos indicadores, incluindo cultura empreendedora, projetos de extensão, acessibilidade entre os estudantes, inovação e pesquisa, internacionalização, infraestrutura e proximidade com o mercado, entre outros. No quesito infraestrutura, que leva em consideração a qualidade das instalações e do parque tecnológico, a Universidade de Fortaleza está entre as Top 10 do Brasil, na 7ª posição.