angle-left Curso de Engenharia Ambiental e Sanitária promove o 1º Piquenique Lixo Zero

Curso de Engenharia Ambiental e Sanitária promove o 1º Piquenique Lixo Zero

Conscientização sobre diminuição do lixo e lazer entre os participantes são os objetivos do evento


Professor Oyrton Monteiro Jr, do curso de Engenharia Ambiental e Sanitária da Universidade de Fortaleza. (Foto: Ares Soares)
Professor Oyrton Monteiro Jr, do curso de Engenharia Ambiental e Sanitária da Universidade de Fortaleza. (Foto: Ares Soares)

O curso de Engenharia Ambiental e Sanitária, do Centro de Ciências Tecnológicas (CCT), da Universidade de Fortaleza realizará no dia 19 de outubro o projeto “Piquenique Lixo Zero”, das 8h às 11h da manhã, na área verde em frente ao Ginásio Poliesportivo.

O evento, que será aberto ao público, vai contar com a organização de alunos e professores do curso. De acordo com o professor Oyrton Monteiro Jr, coordenador do curso de Engenharia Ambiental e Sanitária, o piquenique tem como objetivo mostrar que é possível gerar o mínimo de resíduo possível nas nossas atividades.

“Vai ser lançado um desafio para os participantes do projeto, que é gerar o mínimo de lixo possível durante o tempo do piquenique. As pessoas ficam pensando: como é que eu vou levar um pão, uma torta ou um suco, já que não pode ser em uma garrafa plástica? Como vou comer? Não pode também levar guardanapo, pois vai gerar resíduos. Então, esse piquenique se torna um desafio para os participantes e, ao mesmo tempo, um trabalho de conscientização para mostrar que nós estamos gerando lixo demasiado em nossa sociedade”, esclarece o coordenador.

O “Piquenique Lixo Zero” é um movimento realizado em todo o país, pelo Instituto Lixo Zero Brasil, uma organização da sociedade civil autônoma, sem fins lucrativos, como uma forma de iniciar a Semana do Lixo Zero em todo o país.

Com isso, estudantes do Centro Acadêmico da Engenharia Ambiental e Sanitária tiveram a motivação de organizar esse projeto no último dia do Mundo Unifor, para ser um momento de confraternização e descontração, envolvendo alunos e professores da Universidade, familiares e outros públicos.

“Os alunos do curso de Engenharia Ambiental e Sanitária estão passando esse desafios aos alunos e convidados, motivando que todos possam participar e levar a sua alimentação, para que eles possam entrar nessa campanha da Semana do Lixo Zero e perceber que é possível não gerar resíduo ao meio ambiente”, afirma Oyrton.

Ainda de acordo com o professor, a organização vai ser bem simples, com cada participante sendo responsável pelo que levar, para que ao final o objetivo de gerar pouco lixo seja obtido.

“Cada pessoa vai ser responsável pela sua alimentação, o que comer e o que beber, aí que está o desafio: cada um vai ter que tentar diminuir a quantidade de lixo na ocasião. A dica que eu dou é levar os alimentos em recipientes que sejam retornáveis e que possam ser lavados, como potes de vidro e outros objetos desse tipo, para diminuir o uso de plástico e papel no piquenique”, ressalta.

Para o momento de lazer do projeto acontecerá um campeonato de futebol no campo society, uma mesa de ping-pong e outras atividades, o que, segundo o professor, motiva ainda mais o público a se fazer presente nesta manhã de conscientização e bem-estar.

“Será o momento das pessoas pararem para perceber o quanto de lixo a sociedade gera no dia a dia, além de aprender como diminuir essa quantidade e obter informações sobre o processo, com um momento de lazer para todos os participantes”, conta.

Semana Lixo Zero

A Semana Lixo Zero é uma plataforma mobilizadora por nichos que tem como objetivo empoderar e trazer soluções para que a meta Lixo Zero seja alcançada, com o intuito de mobilizar o maior número possível de organizações a realizar um evento Lixo Zero e conscientizar aquela comunidade a se tornar Lixo Zero.

Resultados

A última edição do movimento, em 2018, abrangeu dois países, 20 estados e 45 cidades participantes, totalizando  mais de 1500 eventos, com workshops, oficinas, congressos, bate papos, intervenções artísticas, entre outros. Foram alcançados mais de 150 mil pessoas diretamente em todo Brasil.

Event Navigation Portlet está temporariamente indisponível.