Líderes que Transformam

Uma mão desenha um seta amarela com um giz. Outras setas direcionam o caminho.

 

Liderar para transformar. Essa é a filosofia da Pós-Graduação Unifor. Com o propósito de impactar positivamente a sociedade por meio da proposição de soluções para problemas reais, a Unifor inspirou-se em grandes instituições de renome internacional, como a Universidade de Harvard, Universidade de Columbia (EUA), Wharton Business School (UPENN) e Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), para idealizar um novo conceito de ensino, orientado a formar líderes que transformam.

Aqui você é estimulado a entender o seu poder de transformação no mundo a partir da compreensão do seu papel como cidadão global. No processo de descoberta do seu potencial de liderança e impacto, a Pós-Unifor trabalha metodologicamente o Programa de Desenvolvimento de Líderes em todos os cursos de especialização/MBAs.

Na Pós-Unifor, o aluno assimila que a liderança transformadora não está muitas vezes em grandes projetos, mas também no seu dia a dia, quando gestos e ações mais simples, propagados, ganham força e inspiram pessoas. Por isso, essa liderança não é algo tão distante da sua realidade.

 

Preceitos

Os três pilares que fundamentam o novo modelo são:

  • o auto-conhecimento do potencial de liderança do aluno,

  • a qualificação técnica de excelência voltada para resolução de casos reais, de forma a estimular o pensar global e o agir local,

  • a transferência do conhecimento, por meio de trabalhos de conclusão de curso (TCC), com elaboração de projetos que impactem positivamente a vida de pessoas e instituições.

Alinhada às Metas do Milênio da Organização das Nações Unidas (ONU), e por meio das parcerias com a Fundação Clinton (Clinton Global Initiative) e o Massachusetts Institute Of Technology (Solve MIT), a Pós-Unifor apresenta eixos que estimulam o desenvolvimento dos trabalhos de conclusão de curso de seus alunos, buscando soluções para problemas globais.

Para a efetivação da proposta do Líderes que Transformam, a Pós-Unifor criou as Escolas de Comunicação e Gestão, Direito, Saúde e Tecnologia, nas quais foram implantadas diversas inovações. Entre elas, a escolha de professores tecnicamente qualificados e que lideram pelo exemplo, a criação de módulos estruturantes transversais, de maneira a estimular o pensar criativo e a liderança, e a metodologia com base em casos práticos e reais, que aproximam o dia a dia à sala de aula.

Além disso, a Pós estabeleceu parcerias internacionais com lideranças mundiais, investiu na formação de redes de relacionamento que permitem a troca de experiências e fomentam a inteligência relacional, e na elaboração de projetos de TCC na promoção de impactos positivos.

A nova orientação dos projetos acadêmicos estimula o aluno a se descobrir e se reconhecer como líder, qualificar-se tecnicamente e partilhar este conhecimento ao desenvolver projetos concretos para a sociedade. Os alunos comprometem-se com valores coletivos, para além de seus interesses e necessidades individuais. Realizam, assim, efetiva transformação positiva em si e no outro, cooperando e fomentando o empoderamento humano e, de fato, liderando para transformar.

Alunos da Pós-Unifor desenvolvem projetos de impacto social

Engajados e de acordo com o lema da Pós-Unifor, Líderes que Transformam realizam trabalhos que mudam a realidade de muitas pessoas.

Os alunos de pós-graduação da Universidade de Fortaleza (Unifor), seja de Especialização/MBA ou de Mestrado/Doutorado, são sempre estimulados a identificar e desenvolver soluções para problemas, sejam em âmbito local, regional, nacional e até internacional. 

“Com o propósito de impactar positivamente a sociedade por meio da proposição de soluções para problemas reais, a Unifor se inspirou em instituições de renome internacional para idealizar o seu próprio modelo de ensino, orientado a formar líderes que transformam”, salienta a professora Lília Sales, Vice Reitora de Pós-Graduação da Unifor.

Assim, os alunos se comprometem com valores coletivos, para além de seus interesses e necessidades individuais, realizando a efetiva transformação positiva em si e no outro, cooperando e fomentando o empoderamento humano e, de fato, liderando para transformar. Confira a seguir alguns dos projetos desenvolvidos por alunos da Pós-Unifor a partir dessa concepção de aprendizagem.

 

Aplicativo “Renal Health”, com objetivo de auxiliar pessoas com doença renal crônica

Um em cada dez brasileiros sofre de doenças renais, de acordo com a Sociedade Brasileira de Nefrologia. Assim, a aluna Juliana Gomes de Oliveira, em parceria com o Núcleo de Aplicação em Tecnologia da Informação – NATI, desenvolveu o aplicativo “Renal Health”, com objetivo de auxiliar pessoas com doença renal crônica e educá-las sobre o tratamento, além de apresentar fatores de risco e medidas que podem ser adotadas para prevenção pela população geral.

O aplicativo não é apenas para paciente renal crônico. Ele também é útil para a população em geral. A principal forma de conter o avanço desse problema no mundo é a informação. Não podemos prevenir aquilo que não conhecemos”, salienta.