angle-left Fundação Edson Queiroz realiza a mostra “Arquitetura e Cidade – Campelo Costa”

Ter, 24 Setembro 2019 14:30

Fundação Edson Queiroz realiza a mostra “Arquitetura e Cidade – Campelo Costa”

Sob a curadoria de Roberto Galvão, a exposição reúne no hall da Biblioteca cerca de 40 desenhos que retratam a trajetória e o olhar genuíno do arquiteto e urbanista


A exposição reunirá cerca de 40 desenhos de paisagens urbanas que têm por tema imagens que marcaram o olhar do arquiteto em sua passagem por várias cidades.
A exposição reunirá cerca de 40 desenhos de paisagens urbanas que têm por tema imagens que marcaram o olhar do arquiteto em sua passagem por várias cidades.

Em comemoração aos 80 anos do arquiteto e urbanista Campelo Costa, a Universidade de Fortaleza, da Fundação Edson Queiroz, realiza a exposição Arquitetura e Cidade – Campelo Costa, com curadoria de Roberto Galvão. A mostra será inaugurada no dia 1º de outubro, às 19h, no hall da Biblioteca Unifor, e ficará em cartaz até 14 de dezembro de 2019.

Campelo é reconhecido como um dos mais significativos artistas do traço que atuaram em Fortaleza, tendo realizado várias exposições individuais, além de importantes mostras coletivas e recebido relevantes premiações em diversos salões de artes plásticas realizados na cidade, dos quais se destacam os Salões de Abril de 1966, 1967, 1968, sempre deslumbrando pela precisão e competência expressiva. 

A exposição reunirá cerca de 40 desenhos de paisagens urbanas que têm por tema imagens que marcaram o olhar do arquiteto em sua passagem por várias cidades, como Paris, Nova York, Roma, Milão, Amsterdam, Lisboa, Porto, São Paulo, Olinda, Igarassu, Fortaleza, Sobral, entre outras. A exposição acontece no momento em que Campelo Costa celebra 80 anos, sendo reconhecido como um dos mais representativos arquitetos e desenhistas do Ceará.

A presidente da Fundação Edson Queiroz, Dra. Lenise Queiroz Rocha, fala sobre a homenagem ao arquiteto e o incentivo às artes visuais. “É uma justa homenagem aos 80 anos do pernambucano radicado no Ceará, o arquiteto e desenhista Campelo Costa. O foco da mostra são suas passagens documentadas em desenho por diversas cidades pelo mundo. De Fortaleza a Paris. De Olinda a Milão. De São Paulo a Nova Iorque. É possível passear não apenas pelas linhas soltas e estilizadas que transportam para estes locais, mas pelas curvas que também lhes conferem vida. O convite vem embalado por ruas, feiras, árvores, tetos de casas, espaços de convívio e outros pedaços de passado que, intrinsecamente, conectamos ao presente por meio do olhar”, declara.

Como o próprio desenhista ressalta, “o desenho é a única linguagem que não necessita de tradução”. É justamente essa a visão que a Fundação Edson Queiroz busca reforçar por meio desta mostra. Além do incentivo à arte visual, engloba-se, também, a importância da arquitetura e de seu valor imaterial e afetivo na urbe”, complementa a presidente da Fundação.

Roberto Galvão, artista plástico e curador da exposição, comenta sobre o trabalho de Campelo, seu amor pela paisagem e pelo desenho. “Há muitos anos, escrevi que os desenhos registrando prédios, monumentos e visões de cidades realizados por Campelo Costa eram registros de um olhar amoroso. Na época, eu me perguntava se era amor pela cidade, pela paisagem, pela forma, pelo puro prazer de apreendê-los pelo desenho ou, talvez, por todos esses motivos”, revela. “Os desenhos de Campelo Costa são poemas visuais. E ao mesmo tempo são testemunhos e registros de instantes de sua vida onde foi tocado pela emoção”, acrescenta Galvão.

“Além da exibição de desenhos do arquiteto Campelo Costa, a mostra promove o debate sobre arquitetura, cidades e patrimônio, por meio de palestras e seminários envolvendo, sobretudo, a graduação e os cursos de especialização em Arquitetura e Urbanismo e o mestrado em Cidades da Unifor, bem como estudantes e profissionais da comunidade externa. Assim, a Fundação Edson Queiroz mais uma vez cumpre seu papel de aliar arte e educação para promover o conhecimento”, destaca o vice-reitor de Extensão da Unifor, prof. Randal Pompeu.

Serviço

Exposição Arquitetura e Cidade – Campelo Costa
Abertura: 1º de outubro de 2019, às 19 horas
Visitação: 2 de outubro a 14 de dezembro de 2019, de segunda a sexta, das 7h às 21h55, e aos sábados, das 7h30 às 16h25
Local: Hall da Biblioteca Central Unifor
Acesso gratuito
Mais informações: (85) 3477.3311