angle-left Unifor está presente na formação de cinco membros da família Holanda

Qui, 13 Dezembro 2018 10:17

Unifor está presente na formação de cinco membros da família Holanda

Mãe e quatro filhos nutrem uma paixão pela Universidade de Fortaleza


André, Filipe, Beatriz, Catarina e Ingrid Holanda. Foto: Arquivo pessoal.
André, Filipe, Beatriz, Catarina e Ingrid Holanda. Foto: Arquivo pessoal.

A formação pessoal e profissional do indivíduo está diretamente relacionada aos seus laços familiares. A família é a primeira sociedade com a qual convivemos, e a Universidade de Fortaleza (Unifor) exerce, há 45 anos, papel fundamental na educação e no desenvolvimento familiar. André Holanda, presidente do Sindicato da Construção Civil do Ceará (Sinduscon), tem a sua família unida à Unifor e não esconde o orgulho da experiência, com dois filhos já graduados e duas em processo de graduação.

“O sonho de todo pai é ver os seus filhos formados e caminhando com suas próprias pernas. A educação é um bem que ninguém toma de você, e a formação da Unifor é muita boa, com foco na área profissional e com muitas atividades extracurriculares. Eu tenho muita confiança na Unifor. Uma prova disso é os meus quatro filhos fazem parte da história da instituição”, destaca. 

Graduado em engenharia civil pela Universidade Federal do Ceará (UFC), André relembra que seu pai sempre o estimulou a estudar para crescer na vida e que essa lição ele repassa aos seus filhos. “Eu sempre tive um histórico familiar de educação, fui sempre focado a estudar, então, investi nos estudos dos meus filhos, apoiando, ajudando e cobrando também, pois tudo o que você gasta em educação é investimento, e o ensino da Unifor sempre foi muito consistente”, afirma.

Graduada em pedagogia pela Unifor, Vangillye Carvalho Pereira destaca a importância da instituição de ensino superior não só em sua formação profissional como também na de seus filhos: “A Unifor foi um caminho de crescimento profissional e intelectual para mim, em que os professores ajudaram na escolha profissional e transmitiram o conhecimento necessário para nosso aprendizado. Além disso, meus filhos têm estreita relação com a Unifor, o que faz da universidade um instrumento importante na construção pessoal de cada um”. 

Primogênita do casal, Ingrid Holanda, 30 anos, formada em Medicina na Unifor, orgulha-se de sua trajetória, a partir da construção familiar que seus pais e irmãos proporcionam. “Minha mãe conta que desde criança eu brincava de médica com minhas bonecas, além disso, fui me interessando muito por cuidar do próximo e vi na medicina essa oportunidade. Como minha avó tem uma grande admiração pela universidade, foi ela quem fez a minha inscrição para eu fazer a prova. Sou da primeira turma de medicina da Unifor, então, todo meu carinho e admiração pela instituição foram sendo criados aos poucos”, declara. 

Ela também ressalta os diferenciais oferecidos pela Unifor. “A instituição tem um grande diferencial pela estrutura que oferece aos alunos e professores, dispondo dos materiais e equipamentos necessários para nossa qualificação ao longo do curso, de laboratórios equipados, principalmente os de anatomia. Posso dizer que hoje vivo em função da medicina, você se apaixona e quer cada dia dedicar-se mais e doar-se mais. É muito gratificante poder ajudar o próximo, cuidar e tentar curar”, completa Ingrid.

Filipe Holanda, 29 anos, formado em Engenharia Civil pela Unifor, ressalta que o acolhimento da Universidade, proporciona uma família mais unida. “Meu pai me orientou na flexibilidade da Unifor e isso foi muito importante. Sempre gostei de exatas, gosto de indústria, e meu pai é engenheiro, o que acabou influenciando na minha escolha. Além disso, optei por ter horários flexíveis e consegui conciliar os estudos com trabalho, como também a localização da Unifor foi fundamental. Formei-me seis meses antes, e isso me ajudou a dar continuidade aos meus projetos profissionais. O curso foi a porta de entrada para o mercado de trabalho e acabei fazendo grandes amizades muito importantes”, revela.

Beatriz Holanda, 23 anos, estudante de Arquitetura e Urbanismo da Unifor, salienta que sua mãe e seus irmãos mais velhos são fontes de inspiração para o seu sucesso profissional. “Meus pais sempre foram compreensivos em relação ao meu curso e deixaram isso bem aberto para a minha escolha, principalmente minha mãe, que é formada em pedagogia pela Unifor e é uma amante da universidade. Para mim, é muito bom saber que meus irmãos mais velhos se formaram lá e que adquiriram muitos conhecimentos que fazem parte do sucesso deles profissionalmente, e hoje colhem os frutos. Acredito que como eles tiveram sucesso, eu também posso ter”.

Beatriz não esquece de elogiar o curso de arquitetura da Unifor e diz que se tornou uma pessoa mais criteriosa a partir dele. “O curso mudou em mim a forma como observo o mundo e como estudante de arquitetura, nos dias de hoje, saio andando, olhando para todos os detalhes, dos prédios, das casas, e por aí vai. Virei uma pessoa mais criteriosa, perfeccionista e que compreende a paisagem de acordo com seu momento, com as oportunidades e a qualidade de cada coisa”, evidencia. 

Para Catarina Holanda, 21 anos, também estudante de Arquitetura e Urbanismo da Unifor, ter irmãos que são inspirações no âmbito profissional e que já passaram pela universidade, com certeza foi uma segurança de que estava em boas mãos. “Sempre gostei da área de construção, mas queria algo que mexesse com a criatividade e algo em que eu pudesse tornar a vida das pessoas melhores, e para mim a arquitetura consegue resumir bem tudo o que gosto. Nossa visão fica mais aguçada, detalhes fazem mais diferença, a maneira de olhar para a cidade principalmente, e observar como o espaço influencia no dia a dia das pessoas. Já sabia que a Unifor era a melhor universidade particular, então ela sempre foi minha primeira opção. Eu sempre ouvia muitos comentários positivos de todos que passaram por lá, sem contar que sempre quis estudar no campus”, conta. 

Catarina acentua que o diferencial da Unifor, em sua opinião, é a troca de conhecimento, seja com os professores, funcionários, palestrantes e alunos dentro da universidade. “Fiz amizades dentro do curso, que serão para a vida. Acho que os grandes diferenciais da Unifor são o campus e as diversas atividades que ela disponibiliza para os alunos ao longo do ano, fora os estágios e a biblioteca com um grande acervo. No meu curso, eu diria que os professores e a estrutura também se tornam grandes diferenciais”, finaliza.