angle-left Universidade de Fortaleza é destaque em Educação Empreendedora direcionada à pesquisa

Seg, 8 Julho 2019 09:50

Universidade de Fortaleza é destaque em Educação Empreendedora direcionada à pesquisa

Daniel Chagas, professor do curso de ciência da computação, foi convidado pelo SEBRAE para palestrar sobre educação empreendedora e suas contribuições para a pesquisa


O evento aconteceu em São Paulo, no Transamérica Expo Center, nos dias 14 a 17 de maio. Foto: Reprodução.
O evento aconteceu em São Paulo, no Transamérica Expo Center, nos dias 14 a 17 de maio. Foto: Reprodução.

Daniel Chagas, pesquisador da Diretoria de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (DPDI) e professor do curso de Ciência da computação na Universidade de Fortaleza, foi convidado pelo Serviço Brasileiro de Apoio à Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) para participar do evento BETT EDUCAR, maior feira de educação tecnológica da América Latina.

O evento aconteceu em São Paulo, no Transamérica Expo Center, nos dias 14 a 17 de maio. Reuniu professores de escolas públicas de ensino médio, professores universitários e pesquisadores sobre educação empreendedora. “Fui convidado para falar sobre educação empreendedora, no espaço ‘CER para Transformar’. Fui chamado para apresentar em São Paulo e também em Salvador, no Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora, em uma mesa redonda de educação empreendedora nas Universidades”, comenta Chagas.

Durante os dois eventos, Daniel apresentou as disciplinas de experimentação prática que compõem o curso de ciência da computação e sua conexão direta ao incentivo à pesquisa na Universidade. “Acredito que o critério utilizado para escolher a Unifor foi o diferencial de ter um curso prático, que aprimora interesse do aluno. O que chamou a atenção deles foi ter professores com o perfil de educação empreendedora, fazendo trabalhos direcionados à pesquisa e inovação na Universidade”, destaca.

O professor enfatiza que este tipo de evento auxilia na disseminação da pesquisa. “Mostra que a união da prática, do fazer e pesquisar, junto aos alunos, é um caminho favorável à melhor educação e ao melhor aproveitamento dos alunos. A Unifor está no rumo certo em mudar seus cursos para a educação empreendedora, pois é um ganho não só para os alunos, mas também para a Universidade, pois terão alunos mais preparados depois da formação”, ressalta.