angle-left Egresso da Unifor, Desembargador Federal Leonardo de Carvalho fala sobre trajetória profissional

Qui, 9 Maio 2019 14:51

Egresso da Unifor, Desembargador Federal Leonardo de Carvalho fala sobre trajetória profissional

Leonardo é o idealizador do projeto “Seu sucesso nos interessa”, que conta histórias de ex-alunos da Unifor


A Unifor é eleita como melhor instituição privada do Norte e Nordeste no Ranking Universitário Folha – RUF pelo sétimo ano consecutivo. Foto: Ares Soares.
A Unifor é eleita como melhor instituição privada do Norte e Nordeste no Ranking Universitário Folha – RUF pelo sétimo ano consecutivo. Foto: Ares Soares.

Concluir um curso de graduação na Universidade de Fortaleza, eleita como melhor instituição privada do Norte e Nordeste no Ranking Universitário Folha – RUF, pelo sétimo ano consecutivo é, sem dúvidas, a realização de um grande sonho para muitos estudantes. Dessa forma, conciliar a vida profissional com a acadêmica durante seu curso é a construção de uma história emocionante e transformadora para o estudante. 

Formado em Direito no ano de 1999.2 na Unifor, o desembargador Leonardo Henrique de Cavalcante Carvalho, é o idealizador da nova campanha da Unifor “Seu sucesso nos interessa”, onde contamos um pouco da trajetória profissional de ex-alunos após passarem a vida acadêmica nas salas de aula da instituição de ensino. 

Desembargador Federal do Tribunal Regional Federal (TRF) da 5ª Região, com sede em Recife – PE, Leonardo Carvalho revela que os passos para chegar à atual função foram muitos e que aconteceram devido ao excelente ensino prestado pela instituição. “Só tenho a agradecer à Unifor pelos conhecimentos adquiridos durante meu período acadêmico. Alcancei o patamar atual porque apliquei todo o ensinamento dado em sala de aula”, disse o Desembargador Leonardo Carvalho.

O Desembargador explicou ainda que, o TRF da 5ª Região tem sob sua jurisdição seis Estados do Nordeste: Ceará, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Paraíba, Alagoas e Sergipe. “Temos competência para julgar matérias de Direito Federal, ou seja, questões relacionadas à Previdência, Tributária de Impostos Federais, Crimes Ambientais, Penal, Sonegação de Tributos, Crimes Transacionais, Corrupção, Lavagem de Dinheiro”, afirmou.

“O Tribunal Regional Federal, é composto por 15 Desembargadores Federais vitalícios, nomeados pelo Presidente da República, sendo doze dentre Juízes Federais com mais de cinco anos de exercício, mediante promoção, por antiguidade e merecimento, alternadamente, e três dentre advogados de notório saber jurídico e de reputação ilibada com mais de dez anos de efetiva atividade profissional e membros do Ministério Público Federal com mais de dez anos de carreira”.

Vida acadêmica

Durante a graduação, o Desembargador relata a facilidade em conciliar o trabalho com os estudos, já que a Unifor oferece o curso no período noturno. “A minha graduação foi muito interessante porque eu precisava trabalhar para ajudar a custear meus estudos e, pelo fato do meu curso ser à noite, facilitou para mim e para os meus colegas que trabalhavam durante o dia. Sempre tivemos ao nosso alcance uma mega estrutura para nos tornarmos um profissional por excelência. A Unifor sempre se preocupou com o cérebro da instituição, a Biblioteca Central e, por esse motivo, medíamos a importância dada a nós, alunos, pela dimensão e magnitude do acervo disponível”, comentou.

De acordo com o Desembargador, os dois pontos cruciais durante este período acadêmico foram a existência do acervo completo da Biblioteca e de um corpo docente voltado à prática do aluno fora da instituição. “Pelo fato dos livros serem de valor um pouco exorbitante, dependíamos dos volumes existentes na Biblioteca. Como era uma fonte inesgotável de conhecimento, eu e meus colegas de graduação utilizávamos os livros para as pesquisas e trabalhos. A Unifor sempre realizou eventos voltados para o mundo jurídico com o intuito de complementar as aulas: seminário de Direito, estimulando a produção acadêmica dos alunos. Contávamos também com a revista do Núcleo de Ciências Humanas, um instrumento de difusão e conhecimento para os alunos”, completou.

Pós-graduação e Mestrado

Com Pós-Graduação em Direito Processual Civil, concluída em 2002, o Desembargador Leonardo Carvalho passou a ter um olhar mais diferenciado sobre a área de atuação. “Diferente da Graduação, na Pós tive um foco mais específico sobre a minha área profissional. Durante o curso, consegui aperfeiçoar ainda mais o meu entendimento e estar mais focado nas discussões polêmicas e controvérsias que surgiam na interpretação do Código de Processo Civil. Partindo para a aplicação na prática, a especialização trouxe a oportunidade de compreender os problemas vivenciados ao longo da minha vida profissional”, revelou.

A sede por saber mais sempre esteve presente do dia-a-dia do Desembargador, por isso surgiu a ideia de fazer o Mestrado Profissional em Direito e Gestão de Conflitos. “Após 10 anos de atuação profissional, tomei conhecimento nas mídias digitais da Unifor sobre o Mestrado. O mundo hoje é plano, então a oportunidade de estudar em outras universidades na época era muito limitado e o Mestrado Profissional foi uma experiência inovadora, ainda mais por ter feito parte da primeira turma. Tivemos módulos na Universidade de Columbia, em Nova Iorque e isso tornou o curso muito mais atrativo e demonstrou a preocupação da instituição em acompanhar as boas práticas das melhores universidades do mundo. Faço questão de indicar todos os cursos da Unifor, em especial o mestrado profissional por ser tão desafiador e estar na sua 5ª turma, mostrando assim a sua ressonância no quesito qualificação e conhecimento”, pontuou o Desembargador Leonardo Carvalho. 

Desembargador Leonardo Carvalho

Natural de Fortaleza (CE), Leonardo Carvalho nasceu em 22 de março de 1976. Em setembro de 2013 foi nomeado para o cargo de conselheiro do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), tendo sido reconduzido para o biênio 2015/2017. Em agosto de 2016 foi eleito, por aclamação, ouvidor nacional do Ministério Público. Foi conselheiro estadual da Ordem dos Advogados do Brasil OAB/CE (2010/2012) e conselheiro federal suplente da OAB (2013/2016). É fundador e presidente do Instituto Norte-Nordeste de Direito Eleitoral e integra a Academia Brasileira de Cultura Jurídica.

Estude na Unifor

Pós-graduação em Direito Processual Civil

Nesta especialização o aluno será habilitado a exercer atividades na área do Direito, a partir das mais diversas carreiras jurídicas que escolher, tais como advocacia, magistratura e serviço público. Durante o curso, o estudante será capaz de atuar na prática forense. Além disso, a argumentação jurídica será estimulada nas relações jurídico-processuais.

Mais informações: (85) 3477.3174/3178

Mestrado Profissional em Direito e Gestão de Conflitos

Na condição de aluno do Mestrado Profissional em Direito e Gestão de Conflitos, o pesquisador experimenta uma modalidade de Pós-Graduação Stricto Sensu voltada para a capacitação de profissionais, nas diversas áreas do conhecimento, mediante o estudo de técnicas, processos, ou temáticas que atendam a alguma demanda do mercado de trabalho, neste caso a de Direito e Gestão de Conflito. O curso destina-se a profissionais da área do Direito, bem como de áreas afins, desde que possuam atuação profissional ligada ao campo do Direito. Os candidatos devem possuir diploma de Curso Superior de Graduação reconhecido por órgão competente.

Mais informações: mpdireito@unifor.br / (85) 3477.3223/3166