angle-left Pedagogo português José Pacheco é convidado para palestra a professores da Unifor

Pedagogo português José Pacheco é convidado para palestra a professores da Unifor

Criador e coordenador da Escola da Ponte, localizada em Portugal, é o convidado do Encontro Pedagógico Integrado no dia 29 de fevereiro.


Pedagogo português José Pacheco (Foto: Alyne Pinheiro/SEE de Pernambuco)
Pedagogo português José Pacheco (Foto: Alyne Pinheiro/SEE de Pernambuco)

No dia 29 de fevereiro, às 8h, a Unifor promove mais um Encontro Pedagógico Integrado, destinado aos docentes da Instituição. 

Nesta edição, será abordado o tema “Competências de vida nos currículos do ensino superior no século XXI”, pelo palestrante convidado José Pacheco, educador português idealizador da Escola da Ponte, que segue um modelo pedagógico que valoriza a autonomia na formação de crianças.

O evento tem como objetivo incentivar os professores a participar ativamente na inovação educacional e na melhoria contínua da educação e do ensino, mobilizando e adquirindo novas competências relativas ao trabalho docente, contando sempre com profissionais de renome nacional na área de formação docente e para o ensino superior.

Os encontros pedagógicos integrados fazem parte do Programa de Formação Docente da Unifor e têm como público-alvo todos os professores de Graduação e Pós-graduação da Instituição.

Sobre o palestrante

José Francisco de Almeida Pacheco é um educador, pedagogo e pedagogista, nascido na cidade do Porto em Portugal e grande dinamizador da gestão democrática na Educação.

Foi eletricista, estudou Engenharia e mudou-se para a Educação. Foi professor primário e universitário.

É um crítico do sistema tradicional de ensino. Para ele, a aula tradicional é um sistema obsoleto de reprodução de conteúdos que deixa a desejar naquilo que é o mais importante objetivo educacional: a humanização do indivíduo.

Defende uma escola sem turmas, sem ciclos, sem testes ou exames, sem reprovações, sem campainhas.

Em meados de 2017 era já indutor de mais de 100 projetos para uma nova Educação no Brasil e colaborador voluntário no Projeto Âncora, que segue o mesmo método de ensino da “Escola da Ponte”. Uma escola liceal sem séries, sem prova, sem “aula” e focada na autonomia e protagonismo do aluno que ele próprio tinha sido o mentor, nos anos 70, no Norte de Portugal. 

Fonte: Wikipedia

Serviço

Encontro Pedagógico Iintegrado 2020
Data: 29 de fevereiro de 2020 
Horário: 8h às 12h  
Local: a confirmar
Público-alvo: todo corpo docente da Universidade
Mais informações: 3477-3071