angle-left Mundo Unifor reúne mais de 20 mil pessoas

Seg, 21 Outubro 2019 13:52

Mundo Unifor reúne mais de 20 mil pessoas

A Universidade de Fortaleza realizou de 16 a 19 de outubro intensa programação gratuita de palestras com pensadores contemporâneos, oficinas, apresentações e diversas atividades.


O evento teve um público total de mais de 20 mil pessoas nos quatro dias de evento, no Campus da instituição. Foto: Ares Soares.
O evento teve um público total de mais de 20 mil pessoas nos quatro dias de evento, no Campus da instituição. Foto: Ares Soares.

Para marcar o encerramento da nona edição do Mundo Unifor, a Universidade de Fortaleza promoveu, no sábado de 19 de outubro, no Teatro Celina Queiroz, a palestra do psicanalista Contardo Calligaris, que falou ao público sobre ética e estética. Logo após, Calligaris lançou seu livro intitulado “Coisa de menina? Uma conversa sobre gênero, sexualidade, maternidade e feminismo”, em coautoria com a também psicanalista Maria Lúcia Homem. 

O encontro de Calligaris com o público na Universidade de Fortaleza marcou a última palestra do evento, que começou na quarta-feira, 16, e teve seu encerramento no sábado, 19, com um público total de mais de 20 mil pessoas nos quatro dias de evento, no Campus da instituição. 

O Mundo Unifor, maior evento de disseminação científica, cultural, artística e de humanidades da região Nordeste, acontece de dois em dois anos e aborda sempre temas de relevância tanto para o público da universidade, como para outros participantes da cidade de Fortaleza e também de fora do estado.

Ensino fora da sala de aula

De acordo com o Vice-Reitor de Graduação da Universidade de Fortaleza, Henrique Sá, o evento tem uma importância enorme acerca da contemporaneidade e do futuro, e de como ligar as práticas da cidadania a um mundo ao mesmo tempo tão complexo e tão conflituoso. 

Em todos os dias de evento, as palestras, encontros científicos, oficinas e outras atividades foram fatores importantes para a construção do aprendizado dos participantes, que levou o ensino para fora das salas de aula. 

“A ideia, de fato, é criar uma ampliação da visão de mundo que já está sendo criada com os professores, nas disciplinas e com as atividades que a gente faz aqui na Universidade de Fortaleza no cotidiano. Eu posso dizer que os temas que foram trabalhados no Mundo Unifor são temas no dia a dia da sala de aula, a diferença é que a gente está trazendo outros olhares, como o do filósofo contemporâneo Gilles Lipovetsky ou do ganhador do prêmio Jabuti, o escritor Mailson Furtado, ou o rapper de grande impacto como o Gabriel O Pensador”, salienta Henrique Sá. 

O Vice-Reitor afirma ainda que o maior desafio para as outras edições do Mundo Unifor é tentar estender essa experiência para fora do Campus da Universidade, com o objetivo de alcançar mais pessoas e novos aprendizados. 

“É importante pensar na criação do Mundo Unifor Virtual, para criar um ambiente de compartilhamento de debates digitais, para além da instituição universitária. Ou ainda pensar no Campus fora do Campus, com palestras em praça público, talvez em outros auditórios, talvez em ambientes coletivos da cidade de Fortaleza. Essa seria a minha maior felicidade”, complementa Henrique.

Segundo ele, esses exemplos podem ser mais uma inovação do evento para a sua próxima edição, em 2021, quando o Mundo Unifor completará 10 anos de realização.