angle-left Novo modelo de formação para os cursos de Gestão da Unifor

Sex, 5 Outubro 2018 16:27

Novo modelo de formação para os cursos de Gestão da Unifor

Em permanente conexão com os novos desafios do mercado de trabalho, a Unifor promove mudanças nos cursos de gestão, trazendo maior integração e flexibilidade curricular.


Alunos do curso de Administração da Universidade de Fortaleza (Foto: Ares Soares)
Alunos do curso de Administração da Universidade de Fortaleza (Foto: Ares Soares)

A Gestão é a espinha dorsal de qualquer organização que pretende alcançar seus objetivos de forma relevante e longeva. Isso vale para as empresas privadas, cuja necessidade de boas práticas de gestão é mais explícita, como para governos e organizações sem fins lucrativos, que cada vez mais são cobrados por resultados, afastando-se do amadorismo.

A área requer inclinações e habilidades, como pensamento estratégico, planejamento e capacidade de negociação. E que tal colocar essas habilidades em prática antes mesmo de conquistar o diploma?

Os cursos de Gestão da Unifor — Administração, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas e Comércio Exterior — têm um novo plano de negócio para sua graduação, dando previsibilidade e organização para sua trajetória acadêmica. As mudanças valem tanto para os alunos da Unifor como para transferidos, graduados e calouros de 2019.1.

Até então, você selecionava as disciplinas que incluiria num determinado semestre. A mensalidade era calculada pela soma do valor mensal de cada uma dessas disciplinas. Como estrategista nato, você fazia todas as disciplinas previstas num determinado semestre (e até mais) ou colocava poucas disciplinas em outro semestre, quando a grana ficava curta, certo? O problema é que ficava difícil prever o tão sonhado dia de formatura, com créditos por fazer, sem falar nos últimos semestres abarrotados de conteúdo, logo quando você já está em busca de uma vaga. 

A partir de 2019.1, os novos cursos passam a operar em modelo seriado, permitindo que o aluno planeje melhor sua formação, a partir de duas modalidades. No fluxo regular, o aluno cursa semestres programados e paga uma mensalidade fixa. Por sua vez, no fluxo estendido, o aluno cursa menos disciplinas por semestre, pagando mensalidade igualmente fixa, porém mais baixa, com um maior tempo de integralização curricular. Ou seja: no fluxo regular, o aluno concluirá o curso em 4 anos; no fluxo estendido, em 6 anos.

Quando os novos cursos de Administração, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas ou Comércio Exterior serão implantados? 

A partir do semestre 2019.1.

Quem precisa fazer a migração?

Todos os alunos poderão optar por um dos fluxos de formação. 

Quais opções de fluxos poderei cursar?

Serão dois fluxos. No fluxo regular, serão ofertados semestres fechados, com mensalidades fixas, compatíveis com o mercado. O tempo de graduação será de 4 anos.
Já no fluxo estendido, o aluno terá um tempo de graduação maior, pagando mensalidades igualmente fixas, porém mais baixas. O tempo previsto de graduação será de 6 anos.

Posso transferir ou ingressar como graduado nesta nova opção de formação? 

Sim. A Unifor aproveita suas disciplinas, conforme análise e cumprimento do mínimo de 50% de compatibilidade de carga horária e conteúdo com as disciplinas da Unifor. Após o aproveitamento, a Unifor insere você em um dos novos fluxos de formação.

Estou em dúvida sobre qual dos fluxos devo escolher. O que fazer?

O aluno deve agendar horário para atendimento na coordenação de seu curso. Nesse momento, o coordenador(a) realizará análise do histórico de disciplinas cursadas/a cursar e procederá a uma orientação personalizada quanto à escolha mais adequada.

Como sei o semestre que devo fazer no novo fluxo? 

Para os que optarem pelo novo fluxo, haverá uma migração automática. E o aluno receberá uma sugestão de matrícula, considerando o fluxo escolhido e as disciplinas já cursadas/a cursar. Se, por exemplo, um aluno estiver no quarto semestre e ainda tiver uma disciplina do terceiro semestre a cursar, ele poderá fazer a migração e encaixar a disciplina devida no semestre seguinte.

Tenho FIES. A migração afeta o meu contrato?

O aluno com FIES deverá dirigir-se ao DAE para os devidos esclarecimentos e orientações.

Tendo realizado a migração, caso eu deseje ou necessite, posso mudar do fluxo regular para o fluxo estendido ou vice-versa? 

Sim, será possível realizar as migrações entre fluxos, tanto num sentido quanto noutro. No entanto, para garantir o melhor processo de formação em ambos os fluxos, o aluno só poderá realizar a migração entre os fluxos em momentos preestabelecidos. Em caso de interesse, o aluno deverá dirigir-se à coordenação do curso para as devidas orientações.

O que acontece com as disciplinas que sofreram alteração/atualização no novo currículo?

Serão identificadas equivalências pela coordenação, garantindo o máximo de aproveitamento das disciplinas cursadas no processo de migração para o fluxo novo.

Como planejo minha matrícula para o semestre 2019.1?

No mês de novembro, a cada semana, a coordenação programará atendimentos individuais, considerando seu semestre em curso em 2018.2. Fique atento(a) para agendar o seu horário. Mais próximo a esta data, a coordenação procederá às informações pertinentes.

Quero fazer dupla titulação internacional. A migração afetará a minha programação?

Os requisitos para a participação nos processos seletivos para os programas de dupla titulação permanecem inalterados, de maneira que a migração não afetará a sua programação em curso.

Quero fazer dupla graduação interna. A migração afetará a minha programação?

Não. Os percentuais de similaridade entre as matrizes dos cursos que oferecem dupla graduação interna foram mantidos na nova proposta de formação. Dessa forma, sua programação estará garantida.

COMO ERAM

Formação por competências, baseada nas necessidades do mercado e diretrizes do MEC

COMO FICARAM

Mantivemos a proposta de formação por competências, mas reorganizamos seu processo de formação, potencializando a aprendizagem integrada.

COMO ERA

O aluno selecionava, dentre as disciplinas a cursar, aquelas que incluiria num determinado semestre. O valor da mensalidade era calculado com base no quantitativo/modalidade (créditos teóricos/práticos) dessas disciplinas. 

COMO FICOU

De acordo com a sua conveniência ou necessidade, o aluno pode optar por dois fluxos de formação:

Fluxo regular: serão ofertados semestres fechados, com mensalidades fixas e compatíveis com o mercado. 
Tempo de graduação: 4 anos.

Fluxo estendido: tempo de graduação maior, com mensalidades fixas, porém mais baixas. 
Tempo máximo de graduação: 6 anos.

Posso migrar para os novos fluxos de formação?

Sim. Todos os alunos poderão solicitar a migração para um dos novos fluxos de formação (regular ou estendido).

Posso transferir ou entrar como graduado nesta nova opção de formação? 

Sim. Aproveitamos suas disciplinas e inserimos você em um dos novos fluxos de formação.

Henrique Sá, Vice-Reitor de Ensino de Graduação da Unifor. Foto: Ares Soares.

“Busca-se ressaltar as inovações curriculares. Mas o modelo de créditos, de certa forma, limitava o alcance dessas mudanças. Com a integração dos conteúdos, evidencia-se que as áreas não são hermeticamente fechadas."

Henrique Sá, Vice-Reitor de Ensino de Graduação da Unifor

Candice Graziani, diretora do Centro de Ciências da Comunicação e Gestão (CCG). Foto: Ares Soares.

“As disciplinas serão ofertadas em blocos pré-programados, o que potencializa a proposta curricular integrada. Os alunos poderão migrar entre os fluxos, desde que observados os momentos de permissão para esses movimentos."

Candice Graziani, diretora do Centro de Ciências da Comunicação e Gestão (CCG)

Protagonismo flexível

Professora Danielle Coimbra, coordenadora do curso de Administração. Foto: Ares Soares.

Flexibilidade, dinamismo e adaptabilidade são os diferenciais esperados pelo mercado no administrador do século XXI, como forma de garantir uma atuação consistente, capaz de promover transformações significativas no ambiente organizacional. Nesse contexto, o curso de Administração da Unifor apresenta uma proposta de formação voltada para o desenvolvimento destas novas competências. “Preparamos os nossos alunos para gerir negócios em ambientes complexos e responder de forma ágil a problemas não estruturados”, destaca Danielle Coimbra, coordenadora do curso de Administração da Unifor. O contato com ferramentas e ambientes profissionais, além do desenvolvimento de projetos e proposição de desafios, preparam o nosso estudante para ser protagonista nos processos de gestão.

  • Imersão prática desde o primeiro semestre do curso, a partir do desenvolvimento de projetos e proposição de desafios
  • Formação em três ciclos: Funcional, Gerencial e Estratégico. O estudante tem a evolução do seu conhecimento de forma integrada e crescente em grau de complexidade, aproximando experiência acadêmica do ambiente organizacional
  • Integração com as demais áreas de gestão, permitindo estabelecer uma base sólida e compartilhada de conhecimentos, além de competências essenciais para o administrador do século XXI
  • Trilhas de formação. O estudante pode aprofundar conhecimentos específicos, como Finanças, Marketing, Negócios Internacionais, Accounting e Cenários Econômicos para Negócios, concluindo o curso como Bacharel em Administração e certificação especial de aprofundamento na trilha escolhida
  • Convênios para intercâmbio acadêmico com de mais de 90 instituições no mundo
  • Pioneirismo na oferta de disciplinas em língua inglesa
  • Programas de Dupla Titulação Internacional. Permitem uma experiência no exterior, em universidades de Portugal ou Alemanha. Ao conclui o curso, o aluno  receberá dois diplomas: um emitido pela Unifor e outro pela instituição estrangeira na qual esteve vinculado a partir do programa

Contabilidade global e tecnológica

Professor Wellington Lima, coordenador do curso de Ciências Contábeis. Foto: Ares Soares.

A contabilidade brasileira vem passando por um processo inovador de adaptação às normas e padrões internacionais, agregando novos valores e conceitos à ciência. Sem falar nas significativas evoluções tecnológicas no âmbito fiscal e no gerenciamento empresarial. Para estar em sintonia com tantas mudanças, o curso de Ciências Contábeis da Unifor passa por reformulação, a fim de assegurar ao estudante o estudo convergente aos padrões de comunicação globais de negócios, asseverando o uso da tecnologia em sua plataforma. “O estudo da legislação societária, com seus impactos tributários, agrega teoria e prática. Nossos laboratórios de práticas contábeis simulam transações vivenciadas habitualmente nas pequenas, médias e grandes corporações. O estudo da contabilidade pública, auditoria e perícia também integram o foco dessa nova matriz”, explica Wellington Lima, coordenador do curso de Ciências Contábeis da Unifor.

  • Trilhas de formação nas áreas de Marketing, Finanças, Negócios Internacionais e Estudo de Cenários, plenamente alinhadas às demandas mercadológicas atuais
  • Laboratório de Práticas Contábeis, onde os alunos podem simular transações vivenciadas no cotidiano de pequenas, médias e grandes corporações empresariais
  • Integração longitudinal e vertical do curso de Ciências Contábeis com os demais cursos de gestão da Unifor
  • Nova matriz passa a englobar o estudo da contabilidade pública, auditoria e perícia
  • Dupla graduação, com ênfase acentuada entre as Ciências Contábeis e a Administração
  • Reforço do emprego de metodologias ativas como paradigma educacional

Indutor do desenvolvimento regional

Professor Chico Alberto, coordenador dos cursos de Ciências Econômicas e Comércio Exterior. Foto: Ares Soares.

Há 45 anos, o curso de Ciências Econômicas nascia junto com a Unifor, demonstrando a relevância da Economia como indutor de desenvolvimento do Ceará e do Nordeste. “Já formamos mais de dois mil economistas, muitos dos quais com destacada atuação tanto no setor privado quanto no público. Trabalhamos desde cedo com a ideia do aluno como agente ativo no processo de aprendizado, que dá continuidade a esse princípio depois de formado”, ensina Chico Alberto, coordenador do curso de Ciências Econômicas da Unifor. Uma das novidades para 2019 será a obrigatoriedade da disciplina Técnicas em Pesquisas Econômicas, integralmente lecionada dentro Núcleo de Pesquisas Econômicas (NUPE), laboratório onde os alunos realizam pesquisas e estudos econômico financeiros em parceria com institutos e instituições públicas e privadas.

  • Tradição no ensino de Ciências Econômicas no Ceará, com 45 anos de existência
  • Matriz curricular que resguarda diretrizes do MEC para formação do bacharel em Ciências Econômicas, mas que se diferencia por formar profissionais com foco no mercado corporativo e financeiro
  • Núcleo de Pesquisas Econômicas (NUPE), um laboratório onde os alunos realizam pesquisas e estudos econômico-financeiros em parceria com instituições públicas e privadas
  • Articulação entre teoria e prática através da obrigatoriedade da disciplina Técnicas em Pesquisas Econômicas, a ser lecionada integralmente no NUPE
  • Programa de Dupla Graduação em cinco anos com o curso de Comércio Exterior e cinco anos e meio com os demais cursos na área de gestão
  • Programa de Dupla Titulação, em parceria com a Deggendorf Institute of Technology, na Alemanha
  • Trilhas de formação em Accounting, Marketing, Logística, Finanças e Negócios Internacionais
  • Metodologias ativas, que transformando o aluno em agente do processo de construção do seu aprendizado

Excelência up to date

O advento da nova economia, ao demandar mudanças contínuas nas relações econômicas, políticas e sociais entre os países, exige a formação de um profissional capaz de lidar com essa realidade, que exige conhecimentos teóricos e práticos em comércio exterior, negociações e gestão corporativa em âmbito internacional. “Desde a sua criação, a matriz curricular do curso passou por cinco atualizações, sendo a última implementada no segundo semestre de 2017, o que demonstra o acompanhamento da dinâmica das mudanças nesse contexto do saber. Somos o único curso do Brasil a ter concessão de nota máxima do Ministério da Educação por duas vezes consecutivas, e pretendemos elevar ainda mais este padrão”, garante Chico Alberto, coordenador do curso de Comércio Exterior da Unifor.

  • Único bacharelado do Ceará em Comércio Exterior, com matriz curricular que abrange a internacionalização de empresas, finanças e negócios
  • Pioneiro do Brasil em ofertar disciplinas bilíngues: o aluno pode optar por aulas ministradas em inglês, exercitando a língua mais utilizada nos negócios internacionais
  • Única graduação do Brasil a receber por duas vezes consecutivas a nota máxima do MEC
  • Disciplinas ministradas em língua estrangeira, equivalentes às de cursos do mesmo gênero ofertadas por universidades no exterior 
  • Por meio das Trilhas de Formação, o aluno tem a oportunidade de, ao final do curso, se certificar, sem custo adicional, em Finanças, Logística, Marketing, Accounting e Cenários Econômicos para Negócios
  • Convênio de Dupla Titulação Internacional com Deggendorf Institute of Technology, na Alemanha
  • Núcleo de Práticas em Comércio Exterior (NUPEX). Os alunos, supervisionados pelos professores do núcleo, elaboram Planos de Exportação e Importação para as pequenas e médias empresas cearenses 
  • Programa Práticas Empresariais em Negócios Internacionais e Comércio Exterior, realizado em parceria com empresas e instituições que lidam com comércio exterior no Ceará. Profissionais ministram cursos de curta duração para os alunos voltados para seus negócios
  • Programa de estágio em parceria com o Centro Internacional de Negócios da FIEC
  • Por meio da Câmara Temática de Comércio Exterior do Ceará, o NUPEX participa do Projeto de Extensão Industrial Exportadora, do Ministério do Desenvolvimento da Indústria e Comércio Exterior
  • Nova matriz torna obrigatória a disciplina Plano de Negócios Internacionais
  • Metodologias de ensino modernas
  • Disciplinas práticas, desenvolvidas em laboratórios e voltadas para a solução de problemas reais enfrentados pelos profissionais nas suas diversas áreas de atuação

Processo Seletivo Unifor 2019.1

Unifor está com inscrições abertas para o Processo Seletivo 2019.1. Nesta etapa serão utilizados dois critérios para a seleção: Prova e a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).