angle-left Organização Pan-Americana de Saúde seleciona projeto de aluna do Mestrado em Enfermagem da Unifor

Sex, 8 Maio 2020 17:11

Organização Pan-Americana de Saúde seleciona projeto de aluna do Mestrado em Enfermagem da Unifor

A técnica de Velma Dias pode contribuir para redução de mortalidade, custos e gastos no Sistema Único de Saúde


Velma é enfermeira do Instituto Doutor José Frota (IJF) (Foto: Divulgação)
Velma é enfermeira do Instituto Doutor José Frota (IJF) (Foto: Divulgação)

O Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) e a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) no Brasil selecionaram 24 projetos que pretendem trazer inovação para enfermagem no Sistema Único de Saúde (SUS). Dentre os projetos, está o da enfermeira Velma Dias, aluna do Mestrado Profissional em Tecnologia e Inovação em Enfermagem (MPTIE) da Universidade de Fortaleza, da Fundação Edson Queiroz.

Enfermeira do Instituto Doutor José Frota (IJF), Velma defendeu em seu trabalho a implementação da técnica Recuperação Intraoperatória de Sangue (RIOS) no atendimento aos pacientes com trauma. A técnica RIOS promove uma série de vantagens, sendo a principal a recuperação do sangue perdido na cirurgia, que é devolvido ao próprio paciente, diminuindo e, às vezes, até evitando a necessidade de transfusão sanguínea.

“A aprovação da Velma Dias impacta positivamente para a enfermagem cearense, pois o Protocolo de Transfusão Maciça (PTM), voltado para o manuseio da hemorragia grave, por ela desenvolvido em parceria com o Núcleo Transfusional (Nutran), vinculado ao IJF, melhora a capacidade resolutiva e a qualidade do cuidado ofertado ao usuário do SUS na Emergência, reduzindo índices de mortalidade, custos e gastos em saúde”, destaca a professora e enfermeira Karla Rolim, coordenadora do MPTIE.

Os 24 trabalhos terão visitas técnicas na rede de saúde, com objetivo de divulgar as inovações. Em função do combate ao novo coronavírus, as visitas estão marcadas para depois do período de isolamento social. “A atuação do enfermeiro na operacionalização do procedimento e apoio à equipe cirúrgica mostrou-se relevante para o melhor atendimento ao paciente”, complementa Velma Dias, que é orientanda no MPTIE da professora-doutora Rita Neuma Dantas Cavalcante de Abreu.

News Navigation Portlet está temporariamente indisponível.